Anúncio

Collapse
No announcement yet.

Desabafo de uma bela trans culta: um tapa na cara dos passivos!

Collapse
X
  • Filtro
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • Desabafo de uma bela trans culta: um tapa na cara dos passivos!

    Pois muito bem!

    Todos sabem o que penso aqui de passivos e chupa-rolas. Então, não vou me estender falando da minha opinião sobre tais "seres".

    Estava lendo o outro fórum, e me deparei com um longo desabafo de uma trans, muito culta (infelizmente, algo raro no meio) e educada, reclamando acerca dos famosos mendigos pechinchadores de preço. Ao longo do relato, ela deixa escapar várias vezes a real sobre os passivos e chupa-rolas, embora tente amenizar a opinião dela em várias passagens, afinal, é o seu ganha-pão.

    Como eu já havia dito em inúmeras ocasiões, qualquer trans que faça o tratamento hormonal de forma contínua, perde as ereções, e não pode mais comer ou satisfazer esta escumalha abjeta que representa, infelizmente, 99% de sua clientela. O estado natural de uma trans, como o de qualquer mulher, é o de ser passiva para um homem.

    No entanto, como o mercado é formado por clientes invertidos (para maneirarmos nos termos!), elas precisam parar com os hormônios de quando em quando, ou mesmo permanentemente, o que acarreta uma série de dificuldades no seu processo de transição e feminilidade (o que é óbvio para qualquer um que não seja um energúmeno adorador de falos).

    Bom, fica aí o desabafo da garota (uma mulher muito linda, diga-se de passagem!). Já havia lido outros desabafos parecidos de diversas meninas trans, tanto neste quanto no outro fórum, mas esta opressão sofrida por elas é convenientemente ignorada pelos adoradores fálicos que pululam estes fóruns. Realmente lamentável.

    Esperando o dia em que a sociedade não mais as exclua do seu seio, para que elas possam conduzir suas vidas com as mesmas oportunidades das demais mulheres, constituindo relacionamentos saudáveis com homens que as vejam e tratem como as mulheres que elas são, constituindo família, tendo ao seu lado na cama e na vida quem realmente gostam, e assim, não mais precisem se sujeitar a este palco de bestialidade ao qual se submetem para terem o seu sustento.

    Olá, t-lovers de Brasília-DF!

    Passando aqui pra deixar alguns relatos de lovers da cidade, do meu próprio whats, pra quem possa interessar... Bem, já que pelo menos dois foristas estiveram aqui em casa e estão sonegando os TDs, achei conveniente postar esses prints... :roll:

    Espero que aqui não esteja acontecendo o msm que nas cidades de Salvador e Recife, onde os foristas criaram grupos de whats pra acordar que o valor máximo a ser pago num programa seria 200$ (o que obviamente, até msm pela escassez de relatos mas não de trabalho, graças ao meu bom Deus, não é o cachê que eu cobro, no entanto tbm não critico quem cobrar, já dizia minha mãezinha: cada um tem o valor que se dá). srsd:

    Ora, permitam-me um desabafo... Ao ter notícia desses acontecimentos (sim, claro que através de próprios foristas participantes dos tais “grupos de whats”, porque a gente sabe que homem é assim, pensa com a cabeça de baixo, eles não escrevem, não relatam pra não ficarem mal com os “confrades”, mas também não deixam de sair e pagar a quem cobre mais de 200$ e lhes pareçam conveniente pagar) me peguei pensando se :!: algum desses senhores têm anúncio em site? Sequer imaginam as dores e lutas de ser uma mulher de peito e pau? Realmente são tão pobrezinhos que não tem condições de pagar mais que 200$ em um encontro? Ou são tão lindos que pensam estar de bom tamanho tal valor? Sabem o quanto é sacrificante e o esforço de ficar excitada e gozar, até mesmo quando você se vê diante de uma pessoa a qual você jamais se deitaria por opção própria, mas uma vez dentro da sua casa, você se vê tendo não só o compromisso pelo dinheiro pago, mas a humanidade de não fazer sentir mal alguém, um ser humano, que te deseja e admira? Será que sabem como o preconceito na rua dói? Como machuca se deitar e amar um de vocês na cama, mas na rua saber que será negada mais vezes do que Judas negou a Jesus? Sabem a dor de cirurgias plásticas e procedimentos estéticos que muitas vezes põem em risco nossas próprias vidas para sermos desejadas por vocês? Sabem que muitas de nós fazemos programa porque nunca encontramos, neste país, um homem do mesmo nível social e cultural que tivesse a coragem de nós assumir e nos tornar damas da sociedade, a qual não só eu mas muitas outras meninas trans que fazem programa estão preparadas pra ser? Sabem o quanto é delicado para o psicológico de uma mulher se tornar bela e feminina e receber um cliente, que sai com você única e exclusivamente porque ele não tem coragem de sair com um homem, que não olha pro seu rosto de boneca, não acaricia seus seios, mas que você, sendo a profissional que é, jamais vai deixar que isso se transpareça sequer te incomodar, porque você sabe que nem ele mesmo ainda é capaz de se compreender? Sabem o quanto já é pesado o estigma de mulher trans e ainda por cima também carregar o de prostituta, ou até mesmo ver que para a sociedade uma coisa é o mesmo que a outra?
    EU TENHO ABSOLUTA CERTEZA QUE NÃO! Vocês não sabem, nem vão saber nessa vida, vocês apenas podem imaginar!

    Aí alguns de vocês vão ser perguntar: Mas Pérola, você não acha que está esquecendo os motivos pelos quais nós não queremos pagar mais de 200$ e por que criamos tais grupos?

    NÃO, eu não esqueci de ponderar isso também...
    Sei que muitos já foram valorizadores da nossa classe e nosso trabalho, mas se viram maltratados, se viram humilhados, se viram faltados com o respeito e humanidade mínimos, se viram chamados de “mariconas” de “lixo”, por muitas de nós somente por serem homens heterossexuais que sentem desejos por mulheres com pênis duro, mas que quando chegam em nossas casas nos tratam como tratariam qualquer outra mulher (Que fique claro que me tratar como mulher não significa ser apenas ativo), que foram extorquidos ou viram confrades serem extorquidos, ou até mesmo que valorizaram e pagaram o programa de uma gata que depois você viu se desvalorizando e saindo de graça com outros homens em aplicativos de paquera a troco de nenhum respeito (o que nada tem a ver com meninas que optaram por ter relacionamento e fazer programa e são respeitadas por seus companheiros) entre outras coisas...

    SIM, meus amores, eu pensei em tudo isso, e é por isso que eu me vejo tão perdida numa luta que parece não ter fim, e que nunca vão existir reais vencedores, nós perdemos mas vocês também perdem, porque quem se valoriza vai buscar outros horizontes, suas melhoras, vão deixar vocês em busca de respeito em outros Países e vão sofrer por não poder estar em casa ou vir em casa somente a passeio, enquanto vocês, sim vocês que não procuram apenas um pau no corpo de uma mulher e sim isso aliado a uma companhia de qualidade e de confiança, irão se ver cada vez com menos opções, e não digam que pra vocês é igual e não importa, só um homem que não se cuida e se valoriza proferiria tais palavras! Já escutei de vários clientes que estiveram aqui em casa que estão sem opção.

    E veja como neste caso ocorre o mesmo “porém” de todas as mazelas sociais... As meninas que se tornam marginais (infelizmente não existe outro nome pra quem rouba) se tornam por já serem marginalizadas dentro de uma sociedade que não nos respeita, e isso é fato, não sabem lidar com isso e saem descontando em vocês! Eu não vou vos negar quantas vezes (apenas um exemplo das sacanagens as quais passamos) eu já me vi arrumada, linda e cheirosa esperando por um cliente que ao chegar na minha porta diz que não vai entrar porque tem um porteiro (pqp! se você tem tanta vergonha do que você é e sente, por que não pergunta antes de marcar o programa se tem o tal do porteiro?) ou aquele que me acordou na madrugada e não marcou o programa por puro capricho me fazendo perder a noite de sono, e aquele ódio momentâneo me fez pensar em cometer diversas coisas com aquele indivíduo sem amor e sem respeito! Quantas vezes já chorei pedindo a Deus pra não deixar que essa vida mude minha essência, que essa vida não me transforme na marginal que a sociedade e vocês, homens covardes, sim COVARDES (que indiretamente me empurraram pra essa vida por não me assumirem) querem fazer de mim!

    Mas será que vocês são todos diferentes dessas marginais? Por que nós que nos cuidamos, estudamos, damos bom atendimento estamos tendo que, nas cidades citadas que é onde sei estar ocorrendo até então, serem forçadas a cobrar um valor menor do que merecemos e igual ao de acompanhantes menos preparadas? É certo sonegar relatos, principalmente positivos, que dariam oportunidade de outros amigos desfrutarem de uma boa companhia? É certo por preço no trabalho dos outros o qual você jamais estaria capacitado para fazer? É certo, além de não nos assumir e não nos legitimar, ainda tirar de nós a dignidade que, pelo menos o dinheiro, nos proporciona? Acha que é menos ruim por ter vindo mesmo que escondido dos “confrades”? Será que realmente vocês merecem o título de t-lover? Reflitam...

    Agora falando de mim, tenho consciência de que nem sempre fui tão linda quanto sou hoje, mas sempre fui dona de um atendimento e honestidade ímpares... Como vocês e minhas amigas sabem, o começo não é fácil pra ninguém e beleza é algo muito subjetivo... Mas eu sempre fui perfeccionista e obstinada... Recentemente no final de 2017 gastei, no total, 63 mil Reais em cirurgias de feminilização facial, esse valor, fora gastos com repouso, hospedagem e alimentação (eu optei por fazer em 2 partes com dois médicos diferentes), antes, na metade de 2015 já tinha feito o implante de próteses mamárias... Isso só pra falar de gastos com relação a melhorias pro trabalho! E antes que algum de vocês possam sequer abrir a boca pra dizer que contribuíram, 80% desse valor gasto em 2017 eu fiz fora do país... Mas vocês sabem por que eu recorri a esses procedimentos? Porque desde 2015 eu tive que parar meu tratamento hormonal que fazia desde os 15 anos de idade para poder ter um grelo duro e cheio de leite para vocês, sim vocês mesmos, homens que se dizem t-lovers e que, mesmo quando são só ativos, querem ver pauzão duro e cheio de leite! Sabem o que mais? Desde o início de 2018 eu estou usando apenas meu cabelo natural (Que graças a Deus está abaixo da cintura apesar de pouco) porque estou fazendo tratamento para queda e me preparando para 2 cirurgias de implante que custam 16 mil Reais cada uma... Vocês sabem por que? Pelo mesmo motivo anterior, deixei de fazer o meu tratamento hormonal pra poder ter um pau duro e cheio de leite (sem Viagra) pra vocês!

    Algum “t-lover” por mais abastado financeiramente que seja vai me ligar e dizer: "Nossa, Pérola, como você é especial, vamos resolver esse problema pra ontem, uma mulher como você não pode estar passando por essa situação!” Uiiii... Como dizem minhas amigas: Dormeeeeeeee... Nem o cachê da gata tão querendo pagar (existem exceções, oh glória!)... E é por isso mesmo que eu já estou programando minha próxima volta à Europa, não fui antes porque estou fazendo tratamento dentário, nem vou por a culpa nos hormônios porque o defeito era de fábrica mesmo, mas optei por um tratamento BEMMMM mais caro com lingual e, agora na reta final, com alinhadores, porque não queria comprometer a estética na hora de receber meus queridos t-lovers (por esse mesmo motivo, correção dentária, estive em Maceió a maior parte do tempo).
    Além disso, estudei Relações Públicas na Universidade Federal de Alagoas - UFAL, como já citado neste fórum, porque ser trans não é só putaria. (Que aliás eu adoro, tbm).

    Faço dieta e academia com acompanhamento, porque optei por não agredir meu corpo com nenhum tipo de silicone ou outro tipo de preenchimentos (o que não me faz melhor nem pior que nenhuma coleguinha mas aumenta consideravelmente minhas despesas) e focando lógico em maior feminilidade e maior aprovação de quem????? Sim, de vocês t-lovers!
    Hoje me olho no espelho e sei, com plena convicção, que atingi um resultado único de beleza e feminilidade, me olho no espelho e lembro da minha trajetória, e como sou feliz pelos frutos que eu colhi sobre o que EU MESMA PLANTEI... Me olho no espelho e percebo que essa mulher não aceita mais migalhas, ela quer e merece respeito, e é por isso que eu não diminuo nem irei diminuir o valor do meu trabalho sob nenhuma hipótese, e volto a lhes perguntar: É justo tentar nos forçar a baixar o preço? É justo pedir desconto?
    Pra mim não é, e é por isso que eu vou preferir ficar até 1 semana sem trabalhar do que baixar meu preço, seja ele qual for, e se for assim que vocês quiserem, assim será, sempre irão existir pessoas e lugares onde seremos e estaremos acolhidos, e eu aprendi que é em busca deles que nós devemos ir!

    OBS: Eu amo os passivos e adoro ser ativa, quando eu citei “tratar como mulher ou ser heterossexual” não significa ser apenas ativo, e sim quando você percebe que o homem está com você pela mulher que você é e pelo conjunto, não apenas pelo seu órgão e independente da posição de passivo ou ativo. Acho que minhas colegas entendem bem do que estou falando, espero que vocês também!

    OBS 2: Não vou aceitar nenhum tipo de baixaria ou falta de respeito, muito menos fake de “colegas de trabalho” que criem perfis para tentar me denegrir ou chamar de “penosa” por não gostar do que eu falei.
    Lembrando que sou profissional e sei que o prazer do cliente vem antes do meu, realizo fetiches e fantasias, não me interessa se você é hétero, bi ou gay mal resolvido, me interessa que vc me respeite, respeite meu trabalho, meu tempo e o meu cachê. Você será muito bem tratado e sairá satisfeito independente de qual seja a sua fantasia.

    Estarei em Brasília até 25.05.2019, a quem possa interessar!
    Espero não ter ofendido ninguém!
    Amei Brasilia e principalmente os rapazes que me valorizaram e vieram aqui em casa, vocês foram incríveis e me fizeram sentir especial! Valeu muito a pena estar aqui!

    Att,

    Pérola Martínez.
    Last edited by Snorlax; 09-02-2020, 21:00.

  • #2
    Se não gosta, é simples. Para de fazer. Ninguém é obrigado a nada. Se quer achar alguém que a banque é outra história. Nesse caso, o oportunismo muda de lado.
    Sejam felizes!

    Comment


    • #3
      Postado originalmente por edu.gato.safado Ver Post
      Se não gosta, é simples. Para de fazer. Ninguém é obrigado a nada. Se quer achar alguém que a banque é outra história. Nesse caso, o oportunismo muda de lado.
      Sejam felizes!
      Você tem deficiência cognitiva???

      Como assim é simples?

      Rapaz, mercado de programa para trans é 99% de clientes atrás de rola. As poucas que anunciam como 100% passivas, e as operadas que continuam anunciando como trans (parte das operadas anunciam em sites de mulheres Brasil afora), possivelmente não ganhem tanto quanto as demais.

      Aí você pode dizer: vai trabalhar com outra coisa. Beleza, mas aí te pergunto: quem é que dá oportunidade de emprego para trans aqui no Brasil? Grande parte delas sequer concluem o ensino médio por causa do bullying. Se tá ruim até para quem não é trans e tem ensino superior completo, imagina para trans sem formação?

      Mesmo as poucas que concluem o ensino superior, tem dificuldades em conseguir vagas no mercado.

      Tem algumas meninas aqui no forum, como a DanielleRS e a EsteerBR, que se não me engano tem empregos formais e não trabalham com programas, mas são exceções.

      A coisa é muito difícil para uma trans aqui no Brasil, e elas acabam sendo empurradas para a prostituição. Não tem nada simples que nem tu falaste aí não!

      Comment


      • #4
        A maioria dos que saem com trans não gostam de homens , mas tem louca atração por mulheres com algo a mais.
        Até porque gays não gostam de sair com trans , gays gostam de homens.
        Por incrível que pareça hoje em dia sair com mulheres é a coisa mais fácil do mundo, só não pega ninguém quem não quer e muitas das vezes sem gastar um tostão.
        ​​​​​​Então ela já deveria saber disso , se o cara paga ele quer algo diferente,

        Comment


        • #5
          Quantas vezes já chorei pedindo a Deus pra não deixar que essa vida mude minha essência, que essa vida não me transforme na marginal que a sociedade e vocês, homens covardes, sim COVARDES (que indiretamente me empurraram pra essa vida por não me assumirem) querem fazer de mim!
          muito bom esse trecho

          Comment


          • #6
            Belo relato mas que não tem nada a ver com ódio contra os passivos que é o que o autor do post obviamente tem e está querendo inflamar. Observem que a trans diz em determinado momento : "Eu amo os passivos e adoro ser ativa,...". O ponto principal do relato dela é não ser valorizada em contrapartida ao gastos e esforços que ela faz e o fato de ter que parar com os hormônios é somente um desses esforços. A reclamação dela é sobfre o fato de não ser valorizada e não sobre o fato de ter que ser ativa.

            99% é exagero, mas acredito que 75 a 90% (máximo) dos clientes de travestis são passivos e essa é a realidade e a demanda. Ficar com raiva ou revoltado não vai adiantar nada. Xingar os passivos de "mariconas" ou qualquer outra coisa não vai trasnforma-los em ativos do dia pra noite assim como relatos de trans reclamando o fato de terem que ficar de pau duro também não. A demanda é por travestis ativas e maior do que por passivas e ponto final. Absolutamente Nada vai mudar isso!

            Comment


            • #7
              Postado originalmente por maximus5 Ver Post
              A maioria dos que saem com trans não gostam de homens , mas tem louca atração por mulheres com algo a mais.
              Até porque gays não gostam de sair com trans , gays gostam de homens.
              Por incrível que pareça hoje em dia sair com mulheres é a coisa mais fácil do mundo, só não pega ninguém quem não quer e muitas das vezes sem gastar um tostão.
              ​​​​​​Então ela já deveria saber disso , se o cara paga ele quer algo diferente,
              Errado, 99% dos que pagam para sair com trans realmente estão atrás de piru, mas tem 1% que não. Vou repetir para você, o que disse no outro tópico:

              Vou responder aqui à sua indigência intelectual e deficiência cognitiva.

              Com respeito a sair com trans e não chupá-las, não masturbá-las e não ser passivo, sendo 100% ativo, e chupar os seios, a bunda e o cu delas, isso realmente é falta de contexto, no caso, falta de contexto de viadagem. Isso se chama ser MACHO e honrar o que se tem entre as pernas, e tratar uma MULHER trans como se trata a qualquer outra mulher, ou seja, como uma fêmea na cama!

              Lembrando para os analfabetos funcionais que o papel da fêmea em qualquer espécie da natureza é o de ser passiva, receptiva à penetração do macho. Então, este é simplesmente o contexto óbvio e natural das coisas!

              Lembrando também que qualquer trans que faça tratamento hormonal de forma correta e contínua, além de se tornar cada vez mais feminina, obviamente perde a capacidade de ereção, o que reforça mais uma vez o seu papel natural como fêmeas e, portanto, 100% passivinhas.

              Por fim, com respeito à sua última pergunta, caro chupa-rola, a resposta é obviamente sim! Eu sou 100% ativo e saio só com mulheres, sejam elas cis ou trans. O fato de você diferenciá-las e não ver razões para se comer uma trans sem interagir com o pau dela, apenas mostra que você é um adorador fálico, justamente o tipo mais execrado por elas em suas vidas pessoais, e com absoluta razão! Qualquer macho, diante de uma Eduarda Vieira, Danielly Martins, Thalitta Zampirolly, etc, terá o desejo de penetrá-las, apenas a escumalha invertida e degenerada iria querer tomar no cu (literalmente)!

              Aliás, falando na Thalitta, ela é uma trans operada lindíssima, assim como a Paula Prado e outras! A Paula tem vários clientes, o que mostra que o teu raciocínio é falho e típico de um chupa-rola: se fosse necessário gostar de pau para sair com trans, trans operadas não teriam clientes, o que é absolutamente falso! Isso demonstra, de forma cabal, o quão patético é o pensamento dos chupa-rolas, os quais comprazem, infelizmente, 99% da clientela das trans e travestis (para infelicidade das próprias).

              Eu não faço distinção entre trans e mulher, e saio com ambas para tê-las como fêmeas na cama. Nunca procurei trans por causa de pau, o fato de eu vê-las como mulheres, apenas amplia o meu leque de opções quando quero comer uma mulher!

              E, para quem não entende a feminilidade e a beleza da mulher trans, o que não tem porra nenhuma a ver com pau, recomendo o tópico abaixo para aprender:

              http://www.forumtravesti.com.br/foru...ns-do-universo

              Postado originalmente por Mr. Popo Ver Post
              Belo relato mas que não tem nada a ver com ódio contra os passivos que é o que o autor do post obviamente tem e está querendo inflamar. Observem que a trans diz em determinado momento : "Eu amo os passivos e adoro ser ativa,...". O ponto principal do relato dela é não ser valorizada em contrapartida ao gastos e esforços que ela faz e o fato de ter que parar com os hormônios é somente um desses esforços. A reclamação dela é sobfre o fato de não ser valorizada e não sobre o fato de ter que ser ativa.

              99% é exagero, mas acredito que 75 a 90% (máximo) dos clientes de travestis são passivos e essa é a realidade e a demanda. Ficar com raiva ou revoltado não vai adiantar nada. Xingar os passivos de "mariconas" ou qualquer outra coisa não vai trasnforma-los em ativos do dia pra noite assim como relatos de trans reclamando o fato de terem que ficar de pau duro também não. A demanda é por travestis ativas e maior do que por passivas e ponto final. Absolutamente Nada vai mudar isso!
              Rapaz, você tem um grau NULO de interpretação de texto! É claro que ela tentou amenizar e passar o pano para a passivada em vários trechos, pois esse é o GANHA PÃO dela, se ela chutar o balde vai despencar a clientela, você consegue compreender isso?

              O que ela pensa dos passivos, e também de "ativos" de araque que gostam de ficar vendo pau duro, ela deixou bem claro no texto, quando fala muito contrariada que teve que parar com os hormônios para poder satisfazer esses adoradores fálicos! Por conta deste fato, ela acabou tendo um problema de queda de cabelo, além de um processo de masculinização da face que teve que ser revertido por meio de 2 cirurgias. Tá bom ou quer mais?

              Pois bem, a Camilly Farias, em relatos aqui neste fórum, já disse contrariada que teve que suspender o uso de hormônios para poder ter ereções, e que isso afetava negativamente não apenas a aparência, como também o psicológico dela.

              Quer mais?

              A Letícia de Castro, mineirinha lindíssima, no outro fórum, se viu acuada pela escumalha abjeta de passivos que ficou dizendo que não sairia mais com ela, porque os relatos eram de que ela não estava conseguindo ereções, e ela, veja você, teve que se desculpar com esses pulhas invertidos e dizer que pararia com os hormônios para poder voltar com as ereções e assim, satisfazer a sanha de piroca desses degenerados!

              Já li relatos similares da Bianca Muniz e diversas outras. Esses chupadores de rola e arrombados fazem um verdadeiro inferno na saúde psicológica das meninas trans, além de atrapalhar totalmente sua evolução na feminilidade!

              Me lembro de uma entrevista da saudosa e finada Márcia Medeiros, dizendo do choque que foi para ela, ao adentrar no mundo dos programas sexuais, se deparar com "homens" que, ao invés de desejá-la como mulher e comê-la, ficavam de 4 para ela.

              Eu poderia ficar aqui o dia inteiro enunciando os casos!

              Agora, uma coisa que você falou é verdade: nada vai mudar a realidade desse mercado imundo de programas, que acaba por, no longo prazo, ceifar as vidas de várias trans. É por isso que eu torço por uma mudança da SOCIEDADE, para que elas não mais se vejam empurradas a participar deste palco de bestialidades onde "homens" ávidos por piru pervertem e corrompem o âmago e a natureza feminina destas mulheres que tiveram o azar de nascer com um pinto.
              Last edited by Capitalista; 23-06-2019, 13:14.

              Comment


              • #8
                Postado originalmente por maximus5 Ver Post
                A maioria dos que saem com trans não gostam de homens
                Você certamente não se inclui nisso que você mesmo citou.

                Veja que patético:

                Postado originalmente por joaozinhotaradinho Ver Post
                chupa o meu que eu chupo o seu e ta tudo em casa
                Postado originalmente por maximus5 Ver Post

                Hummmm e uma trans junto seria show
                Fonte: http://www.forumtravesti.com.br/foru...60#post1304260

                Não precisou procurar muito, só olhar no tópico supracitado!

                Chega o tal do "joaozinhotaradinho", chupador de rolas e arrombado bastante conhecido aqui do fórum, e sugere chupar o pau do tal do gumercindo popovich, fake já banido do fórum. E aí como resposta, você diz:

                Postado originalmente por maximus5 Ver Post

                Hummmm e uma trans junto seria show
                Patético, malandro, patético!

                Tu além de chupar pau de trans, chupa pau de homem também. Tu e 99% desse fórum!

                E vem querer cantar de galo aqui no tópico!

                Vai cacarejar com as demais galinhas e chocar teus pintos em outra seara, meu chapa!

                Comment


                • #9
                  Olha os posts desse maluco aí aqui no fórum:

                  Postado originalmente por maximus5 Ver Post

                  Que pau bonita menina
                  Postado originalmente por maximus5 Ver Post

                  A última vez que saí com ela , ela encheu minha cara de porra.
                  Postado originalmente por maximus5

                  Bejinho vai ser so para começar. Vou colocar tudo na boca .
                  Postado originalmente por maximus5 Ver Post

                  Era meu preferido .
                  tinha uma trans que se chamava Giselle era alta negra com uma rola descomunal eu sempre saia com ela.
                  Postado originalmente por maximus5 Ver Post
                  Alguém tem a fantasia de fazer sexo a três ou a 4 no cine. Já fiz com duas trans mas com homens juntos nunca, tenho curiosidade.
                  Bichoníssima!

                  E ainda vem falar que não tem interesse em homem...é um humorista mesmo!

                  Comment


                  • #10
                    Rapaz, em mais de 10 anos como forista no Gpguia, eu não me lembro de nunca ter visto ninguém dizendo que marcou um programa com uma gp por causa da buceta dela. Pode até ter, mas certamente é exceção. O pessoa sempre avalia o conjunto, e o principal sempre será o rosto, o corpo, os seios, a bunda.

                    Só nessas porras de fóruns sobre travestis é que você vê nego marcando programa por causa de órgão genital! Impressionante, essa fixação patológica por pau.

                    E aí me vem o camarada aí, correndo atrás de pinto pelo fórum inteiro, dizer que a maioria desses adoradores fálicos não tem interesse em homem.

                    Não mete essa! Tá aí, não levei nem 10 minutos pra levantar as mensagens do dito cujo aqui no fórum mesmo e desmascarar essa falácia!

                    Porra nojenta do caralho!

                    Comment


                    • #11
                      Postado originalmente por Capitalista Ver Post

                      Você tem deficiência cognitiva???

                      Como assim é simples?

                      Rapaz, mercado de programa para trans é 99% de clientes atrás de rola. As poucas que anunciam como 100% passivas, e as operadas que continuam anunciando como trans (parte das operadas anunciam em sites de mulheres Brasil afora), possivelmente não ganhem tanto quanto as demais.

                      Aí você pode dizer: vai trabalhar com outra coisa. Beleza, mas aí te pergunto: quem é que dá oportunidade de emprego para trans aqui no Brasil? Grande parte delas sequer concluem o ensino médio por causa do bullying. Se tá ruim até para quem não é trans e tem ensino superior completo, imagina para trans sem formação?

                      Mesmo as poucas que concluem o ensino superior, tem dificuldades em conseguir vagas no mercado.

                      Tem algumas meninas aqui no forum, como a DanielleRS e a EsteerBR, que se não me engano tem empregos formais e não trabalham com programas, mas são exceções.

                      A coisa é muito difícil para uma trans aqui no Brasil, e elas acabam sendo empurradas para a prostituição. Não tem nada simples que nem tu falaste aí não!
                      Então aceita o que a profissão tem a oferecer...
                      ou você acha que um vendedor hetero não é obrigado a aceitar os clientes que ficam pechinchando, que vão fedidos as lojas, que não tem educação, e etc etc etc.
                      nunca vi um vendedor de loja de sapatos reclamando da profissão e, por esse motivo, reclamando que ninguém quer bancar ele.

                      Outra coisa, a grande maioria das trans recusaria de primeira a oferta de um emprego formal que pague menos do que elas ganham com prostituição. Já ouvi muitas delas dizerem que vida de trans é vida de luxo.. e não de assalariado.

                      Se liga rapaz. A realidade e a vida são duras mesmo. Mas é pra todo mundo.

                      Seja menos hipócrita.

                      Fica em paz.
                      Last edited by edu.gato.safado; 23-06-2019, 17:25.

                      Comment


                      • #12
                        .................................................. .................................................. ...................;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;; ;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;................... .........................................
                        Last edited by dave_gape; 11-08-2019, 19:26.

                        Comment


                        • #13
                          Postado originalmente por edu.gato.safado Ver Post

                          Então aceita o que a profissão tem a oferecer...
                          ou você acha que um vendedor hetero não é obrigado a aceitar os clientes que ficam pechinchando, que vão fedidos as lojas, que não tem educação, e etc etc etc.
                          nunca vi um vendedor de loja de sapatos reclamando da profissão e, por esse motivo, reclamando que ninguém quer bancar ele.

                          Outra coisa, a grande maioria das trans recusaria de primeira a oferta de um emprego formal que pague menos do que elas ganham com prostituição. Já ouvi muitas delas dizerem que vida de trans é vida de luxo.. e não de assalariado.

                          Se liga rapaz. A realidade e a vida são duras mesmo. Mas é pra todo mundo.

                          Seja menos hipócrita.

                          Fica em paz.
                          Conheço vários vendedores, caixas de supermercado, porteiros, trocadores de ônibus (os que ainda restaram) que reclamam de suas profissões. Claro que, na maior parte dos casos, também não vão fazer isso na frente do cliente, porque se não já era o emprego.

                          Agora, você está se esquecendo de um "pequeno detalhe" ao comparar a atividade altamente insalubre (física e psicologicamente) da prostituição, principalmente de trans, com vendedores: vendedor nenhum tem que se sujeitar a se deitar na cama com quem não tem interesse! E isso faz toda a diferença!

                          Não vou nem entrar no mérito aqui de riscos de DST's e etc.

                          Não vou nem entrar aqui no mérito de que, enquanto a população brasileira tem uma expectativa de vida de 76 anos, a população trans aqui tem uma expectativa de vida de apenas 35 anos (menos da metade do resto da população!).

                          Não vou nem entrar no mérito aqui que vendedor não precisa fazer uso de hormônios para adequar seu corpo ao seu estado psicológico, e que tal tratamento tem que ser frequentemente interrompido porque os clientes são chupa-rolas.

                          Não vou nem entrar no mérito!

                          Com relação a ser hipócrita, onde eu o fui? Hipócrita é quem fecha os olhos para a realidade que esse tópico escancara, e que é convenientemente ignorada pelos invertidos e adoradores de falo que pululam por estas bandas.

                          Comment


                          • #14
                            Postado originalmente por dave_gape Ver Post
                            O mesmo papinho de sempre o raça desunida , tu é da irmandade também. ..
                            " mentir pra si mesmo é sempre a pior mentira "

                            Renato russo ( passivo )
                            Renato Russo: músico medíocre e gay que morreu de AIDS.

                            lol, olha a referência do cara!

                            Comment


                            • #15
                              Esse foi o tópico mais importante que eu já li nesse fórum.

                              Comment

                              Webcam

                              Collapse

                              Anuncios

                              Collapse

                              Bonecas Relax Travesti SP
                              Travestis Rio de Janeiro  Rio Relax Travestis no Canada shemale in Dubai shemale in London shemale in Paris Anuncie Aqui
                              trabalhando...
                              X